Sesc Ribeirão tem atividades com Maracatu, Jongo e bate papo sobre juventude e cultura

    Evento busca ampliar olhares e discussões voltadas para a juventude e seus diferentes contextos sociais e culturais

    Estão na programação oficinas de dança e percussão, diálogos sobre a diversidade da juventude e cultura, entre outras atividades. Foto: Divulgação

    Entre os dias 7 e 10 de agosto, o Sesc Ribeirão promove atividades do projeto Juventudes: Artes e Território. As ações são realizadas com o intuito de ampliar os olhares e as discussões referentes à juventude e os seus diferentes contextos sociais e culturais. Todos os eventos são gratuitos.

    No dia 7 de agosto, das 19h às 21h, os coletivos REAJU – Rede Articula Juventude, de Campinas, e Abayomi, de Ribeirão Preto, se encontram no Sesc Ribeirão para diálogo sobre as múltiplas juventudes, suas manifestações artístico-culturais em diversas territorialidades e o impacto dessas ações na realidade.

    Já no dia 9 de agosto, a Comunidade Jongo Dito Ribeiro convida o público para uma vivência de jongo, prática ancestral da cultura negra, das 19h às 21h. A intervenção faz uma referência à Casa de Cultura “Fazenda Roseira”, uma conquista do movimento negro e do movimento popular, como agregadora da cultura afro-brasileira dentro da cidade de Campinas (SP).

    Para encerrar as atividades, no dia 10 de agosto serão realizadas duas oficinas na programação, das 13h às 15h. Dança de Maracatu de Baque Virado, com Mestre Maurício Soares, da Nação Estrela Brilhante, e Percussão de Maracatu de Baque Virado, com o Mestre Walter França, da “Nação Raízes de África”, do Recife. Oficinas de dança e percussão desta manifestação popular afro-brasileira que ficou conhecida no Brasil e no exterior. 

    Serviço

    Sesc – rua Tibiriçá, 50, Centro

    Juventudes na reação: Reaju e Coletivo Abayomi
    Com os coletivos REAJU – Rede Articula Juventude, de Campinas, e Abayomi, de Ribeirão Preto
    Dia 7, quarta, das 19h às 21h.
    Convivência. 40 lugares. Grátis. Acesso livre.

    Vivência de Jongo
    Com Jongo Dito Ribeiro
    Dia 9, sexta, das 19h às 21h.
    Convivência. 40 lugares. Grátis. Acesso livre.

    Dança de Maracatu de Baque Virado
    Com Mestre Maurício Soares
    Dia 10, sábado, das 13h às 15h.
    Galpão. 40 lugares por ordem de chegada. Grátis.

    Percussão de Maracatu de Baque Virado
    Com Mestre Walter França
    Dia 10, sábado, das 13h às 15h.
    Galpão. 40 lugares por ordem de chegada. Grátis.