Menina de três anos morre e Ribeirão registra sua vítima mais jovem da Covid-19

A menina tinha três anos, estava internada e possuía doença neurológica crônica

Foto: Getty Images

A Covid-19 fez sua vítima mais jovem em Ribeirão Preto. A informação foi confirmada, nesta quarta-feira (2), pela prefeitura da cidade, por meio do Boletim Epidemiológico. Trata-se de uma menina de três anos, que tinha doença neurológica crônica e estava internada na rede privada.

A morte ocorreu na última terça-feira (1), mas só foi divulgada nesta quarta-feira (2). Não foram divulgadas mais informações sobre a criança nem sua identidade.

Este foi o primeiro caso nesta idade, representando, agora, 0,1% das ocorrências totais. No ano, é a terceira criança de 0 a 9 anos de idade que perde a vida. Até antes dos novos dados fornecidos, a vítima mais jovem possuía seis anos.

Percentualmente, crianças e adolescente dos zero aos 19 anos somam 0,6% de todas as mortes de Covid na cidade em 2021, cinco vezes mais de o percentual que representavam em 2020, quando houve apenas um caso.

Mais dados

Além da garotinha, foram confirmados mais nove falecimentos por complicações referentes à enfermidade, totalizando, no momento, 1.165 vidas perdidas.

Quantos aos novos casos, o município informa 100 novos exames positivos, totalizando agora, quase 39 mil em 2021. No acumulado, entre 2020 e este ano a cidade possui 80,9 mil infecções.

Boletim Epidemiológico de Ribeirão Preto

Nenhuma postagem para exibir