Lady Gaga comanda Live mundial na luta contra a pandemia do Covid-19

Participações especiais de Paul McCartney e Rolling Stones

Divulgação/Nações Unidas

A Organização Mundial da Saúde (OMS) e a organização internacional Global Citizen anunciaram o especial “One World: Together At Home” (“Um mundo: juntos em casa”) , que será transmitido ao vivo neste sábado (18) no mundo todo em apoio à luta contra a pandemia de COVID-19. O especial terá a participação de médicos, enfermeiros e famílias relatando experiências reais de vivência da pandemia.

O evento tem curadoria de Lady Gaga e terá ainda apresentações de Alanis Morissette, Andrea Bocelli, Billie Joe Armstrong (Green Day), Eddie Vedder, Elton John, FINNEAS, Paul McCartney e Stevie Wonder, entre outros.

A OMS também anunciou que está lançando um guia para ajudar os países a decidir se recomendam o uso de máscaras médicas e não médicas para prevenir o avanço da COVID-19, já que há poucas pesquisas sobre o uso comunitário das máscaras.
A transmissão histórica será apresentada por Jimmy Fallon (‘The Tonight Show’), Jimmy Kimmel (Jimmy Kimmel Live’) e Stephen Colbert (‘The Late Show with Stephen Colbert’) e Amigos da Vila Sésamo, para inspirar pessoas ao redor o mundo a tomar ações significativas que aumentem o apoio à resposta global à COVID-19.

Hugh Evans, co-fundador e CEO da Global Citizen, disse que o especial é um incentivo na luta global para o fim da COVID-19. “Por meio da música, entretenimento e impacto, o elenco celebrará ao vivo aqueles que arriscam sua própria vida para proteger todos os outros.”

“A Organização Mundial da Saúde está comprometida em derrotar a pandemia do novo coronavírus com medidas científicas e de saúde pública e apoiar os profissionais de saúde que estão na linha de frente da resposta”, disse Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS. “Podemos ter que nos separar fisicamente por um tempo, mas ainda podemos nos unir virtualmente para desfrutar de boa música. O concerto One World: Together At Home representa um poderoso show de solidariedade contra uma ameaça comum”.

Nenhuma postagem para exibir