Após sentir sintomas, Bolsonaro realiza teste para Covid-19

Resultado para o coronavírus é esperado para meio-dia

Imagem ilustrativa do presidente da República, Jair Bolsonaro - Foto: Marcello Casal/Agência Brasil

O presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) realizou o teste para detectar a Covid-19 depois de relatar sintomas. Segundo informações da CNN Brasil, Bolsonaro teve febre de 38°C e já está tomando hidroxicloroquina e azitromicina de maneira preventiva, embora nenhum dos dois medicamentos tenha eficácia comprovada no combate à doença.

Devido a suspeita, a família do presidente que vive no Palácio da Alvorada e os funcionários da presidência que tiveram contato com o chefe do Executivo nos últimos dias também devem se submeter aos exames. Devido sua idade de 65 anos, Bolsonaro é considerado grupo de risco da doença.

Durante um encontro com apoiadores na noite de ontem, segunda-feira (6), Bolsonaro afirmou ter realizado uma radiografia do pulmão e o exame para o novo coronavírus. Ainda durante o encontro, o presidente disse que manteria a distância recomendada com seus eleitores, já que a medida vale para todos. “Não dá para chegar muito perto, não. Recomendação para todo mundo”, afirmou Bolsonaro, ao sair do carro oficial.

Os ministros Rogério Marinho, do Ministério do Desenvolvimento Regional, e José Levi, da Advocacia Geral da União, estiveram com Bolsonaro nos últimos dias, e também devem realizar o teste para a Covid-19.

Segundo dados epidemiológicos divulgados ontem, o Brasil soma mais de 1.6 milhão de pessoas infectadas pelo vírus, e 65 mil mortes decorrentes da contaminação do novo coronavírus. Durante ontem, segunda-feira (6), 656 pessoas morreram devido complicações da Covid-19. 

Principais medidas de prevenção da Covid-19

Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar álcool gel 70%.  

Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.  

Evitar contato próximo com pessoas doentes.  

Ficar em casa quando estiver doente.  

Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo. 

Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.  

Manter o ambiente limpo e arejado.  

Evitar aglomerações ou locais com muitas pessoas. 

Manter sempre que possível a distância de pelo menos dois metros de qualquer pessoa em ambientes coletivos. 

Seguir todas as orientações das autoridades públicas quanto à restrição de movimentação e contato com outras pessoas. 

Quando as atividades escolares estiverem suspensas, as crianças deverão permanecer em casa, ou seja, não frequentar outras áreas coletivas.

Nenhuma postagem para exibir