Vídeo | Polícia prende suspeito de assalto a loja de celulares no centro de Ribeirão

Homem foi detido nesta terça-feira (22), com cinco dos aparelhos roubados

Um homem foi preso, nesta terça-feira (22), por suspeita de ter participado de um assalto a uma loja de celulares, na rua São José, no centro de Ribeirão Preto. Os agentes chegaram ao suspeito, após ele publicar a venda dos aparelhos nas redes sociais. 

Após receber a denúncia da venda, os oficiais encontraram o suspeito na casa de outro homem, no Quintino Facci II. Com ele, agentes do Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep) encontraram um iPhone 11 Pro Max e uma quantia de R$438 em dinheiro. 

Questionado a respeito do assunto, o homem confessou que o aparelho era produto de furto e ainda contou que outros quatro celulares estariam em sua residência, no bairro Adelino Simioni, também na região Norte.

Após ir até o local, a equipe encontrou ainda as roupas utilizadas pelo suspeito no dia do asfalto, além da moto utilizada no dia do crime. Segundo a polícia, o veículo é produto de furto.  

O homem foi encaminhado para a Delegacia de Polícia, onde foi dado voz de prisão em flagrante por roubo a estabelecimento comercial e receptação de veículo. Já o dono da casa no Quintino Facci II foi liberado. 

Assalto 

O crime aconteceu por volta das 12h desta terça-feira (22), em uma loja de celulares no centro da cidade. Câmeras de segurança do local flagraram a ação dos suspeitos, um deles armado e disfarçado de entregador de comida por aplicativo. Um dos criminosos foi detido e o outro segue foragido. 

Nos vídeos é possível ver o momento em que dois homens de moto param em frente a loja e entram no estabelecimento. Na recepção, tomam o celular de um cliente que recebia atendimento e depois levam o homem para a porta de uma sala. Veja abaixo: 

Dentro do cômodo estava uma das funcionárias. Armado, um dos homens entra no local, enquanto outro obriga o cliente a entrar também. Na filmagem é possível perceber que os bandidos discutiam algo com a vendedora, antes de fecharem a porta da sala. 

Momentos depois, os assaltantes aparecem novamente em frente a loja, um deles aguarda na moto, enquanto o outro, sai do estabelecimento em sua direção. O suspeito sobe na motocicleta e os criminosos vão embora.