Vídeo | Câmera flagra maus tratos de cuidadora a criança deficiente em Ribeirão

Caso aconteceu no bairro Valentina Figueiredo; Polícia Civil investiga ocorrência

A mãe de uma criança de 11 anos, portadora de necessidades especiais e que vive acamada, registrou um boletim de ocorrência contra a cuidadora da criança depois que câmeras de segurança registraram um suposto caso de maus tratos contra a menor. O caso, que aconteceu no bairro Valentina Figueiredo, é investigado pela Polícia Civil de Ribeirão Preto.

O boletim foi registrado na noite desta quarta-feira (18), mas a agressão ocorreu por volta das 5h da manhã do mesmo dia.  Segundo relato da mulher, a filha, que tem condições de saúde especiais, não anda e permanece acamada, necessitando de cuidados especiais. A criança é cuidada pela acusada do crime há quatro anos.

“Minha filha tem neuropatia motora dos nervos periféricos, ela precisa de cuidados 24 horas por dia. Muitas enfermeiras e cuidadoras passam ou passaram por aqui”, conta.

Flagrante

Desconfiada de que algum problema acontecesse em sua casa nos momentos em que não está no local, ela decidiu colocar câmeras de segurança no quarto. O circuito captou as imagens na qual a cuidadora segura a criança com força e trata a menor de forma violenta. Nas imagens, é possível ver a acusada manuseando o corpo da criança de forma ríspida. 

“Eu presenciei uma cena que não achei nada agradável. A impressão que dá é que ela realmente taca minha filha. Eu já tomo meus medicamentos para poder me ajudar, mas foi uma decepção muito grande. Ela fazia parte da família da gente”, contou a mãe.
A mãe relatou que já teve problemas anteriores com a cuidadora, mas que agora quer que as medidas criminais sejam tomadas. O caso foi registrado como lesão corporal e maus tratos, e será investigado pela Polícia Civil de Ribeirão Preto.