Torcedores do Botafogo e Operário entram em conflito após empate no Santa Cruz

Um torcedor do Botafogo foi detido e prestou depoimento; ação seria revide a briga que ocorreu no Paraná

Foto: Reprodução

Um torcedor do Botafogo foi detido após uma briga entre fãs da equipe de Ribeirão Preto e adeptos do Operário (PR), após o empate por 1 a 1 entre as equipes, em jogo realizado no estádio Santa Cruz na noite de ontem.

Segundo o tenente Francisco Wohnrath, da Polícia Militar (PM), aproximadamente 15 torcedores do Botafogo se dirigiram, depois da partido, para o local por onde iria sair a torcida do Operário e o confronto foi iniciado nas imediações do estádio.

“Conversando com o indivíduo que foi detido, ele disse que foi em razão da briga que ocorreu lá em Ponta Grossa”, disse o tenente, em entrevista à EPTV. A reportagem confirmou a informação com integrantes das torcidas organizadas do Botafogo. Ainda segundo o apurado, integrantes de uma torcida organizada do Comercial Futebol Clube também participaram da confusão.

Procurada, a organizada do Bafo informou que levou e buscou a torcida do Operário ao estádio Santa Cruz. “Cada ação tem uma reação. A torcida do Botafogo partiu pra cima deles, e a gente teve que intervir”, afirmou um diretor da torcida, que pediu para não ser identificado. Já a Fiel Força Tricolor, do Botafogo, negou que seus integrantes tivessem participado da briga. 

Na ocorrência, a polícia deteve um técnico em manutenção de 27 anos. Ele estava com uma barra de ferro e participou da confusão. Apresentado na CPJ (Central de Polícia Judiciária), ele foi ouvido e liberado, mas nenhum boletim de ocorrência foi registrado.  Segundo a Polícia Militar, o torcedor pode ser impedido de assistir aos jogos do Botafogo.

Nenhuma postagem para exibir