Temperaturas devem continuar subindo em todo o Estado, alerta Defesa Civil

Em Ribeirão, umidade relativa do ar deve variar entre 20% e 12%, aumentado risco de incêndios florestais, de acordo com o Inmet

Em Ribeirão temperaturas podem chegar na casa dos 37ºC Foto: Agência Brasil

As temperaturas em Ribeirão Preto, assim como em todo o estado de São Paulo, devem continuar subindo até quinta-feira (26), com momentos de calor intenso, de acordo com a Defesa Civil. Segundo a pasta, além da cidade, a região metropolitana de São Paulo, a Baixada Santista, Campinas, Franca, Itapeva, Sorocaba e Vale do Paraíba, Araçatuba, Araraquara, Barretos, Bauru, Marília, Presidente Prudente, São José do Rio Preto e Vale do Ribeira, devem sofrer mais com as temperaturas elevadas e a baixa umidade.

O alerta é para a sensação térmica que pode ser maior do que as temperaturas indicadas. A Defesa Civil lembra a importância de se proteger do sol, evitar exercícios ao ar livre próximo nos horários mais quentes do dia, manter hidratação constante e não atear fogo à vegetação, já que em tempo seco o risco para incêndios é elevado.

Ribeirão

Nesta segunda-feira (23), o dia começou com um alerta do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) para a umidade relativa do ar em Ribeirão, que deve variar entre 20% e 12%, aumentado risco de incêndios florestais. Vale ressaltar que, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o ideal para a saúde humana é entre 60% e 80%. Por isso, o Instituto recomenda cuidados com ressecamento da pele, desconforto nos olhos, boca e nariz.

Em relação à temperatura, a semana promete termômetros na casa dos 37ºC e mínimas de até 17ºC. Para evitar problemas de saúde durante a seca, a Secretaria da Saúde do Estado de São Paulo recomenda a ingestão de bastante líquidos e também para que população evite fazer exercícios físicos entre as 10h e às 17h, quando o sol está mais quente. Além disso, é possível melhorar a umidade do ar deixando um recipiente com água ou um pano molhado no quarto antes de dormir.

Outra dica é lavar as narinas com soro fisiológico e manter os ambientes arejados e livres de tabaco e poeira. Assim como evitar frequentar lugares fechados em que haja grande concentração de pessoas, como shopping centers, supermercados e cinemas.

Com informações da Agência Brasil 

Nenhuma postagem para exibir