Segurança é multado por matar gambá e responde por crime ambiental

Multa é de R$ 500 e autor ainda está sujeito a pena de três anos de prisão

Um segurança foi detido depois de matar, com uma barra de ferro, um gambá em Ribeirão Preto. O homem recebeu uma multa e ainda responderá por crime ambiental. O fato ocorreu no estacionamento de um supermercado da cidade na segunda-feira (29).

A ação foi gravada pelo circuito de segurança do estabelecimento. Nas imagens, o segurança aparece abatendo o animal com a barra de ferro. Os policiais localizaram, ainda, o corpo do animal no local. O segurança terá que pagar multa de R$ 500 e ainda está sujeito a pena de até três anos de prisão.

“A Polícia Militar Ambiental informa que gambás são animais dóceis, que não causam mal ao ser humano, que muitas vezes são incompreendidos devido a sua aparência. São animais que inclusive contribuem para controle de pragas como escorpiões, por exemplo. Tais animais são atraídos por lixo e outros alimentos deixados a céu aberto, por essa razão não são incomuns de serem vistos em ambiente urbano”, informou a polícia, em nota.