Ribeirão Preto vai castrar 1.361 animais domésticos

Projeto prevê o atendimento a 882 e 479 gatos de famílias de baixa renda no município

Prefeitura vai montar um posto de cadastramento para as famílias interessadas

A Divisão de Bem-estar Animal da Secretaria do Meio Ambiente de Ribeirão Preto abriu licitação para contratar a castração de 1.361 animais domésticos. O projeto prevê o atendimento a 882 e 479 gatos de famílias de baixa renda no município. Os procedimentos serão realizados ao longo de um ano.

A prefeitura vai definir um posto de cadastramento para que os moradores possam incluir seus animais de estimação no projeto. “A seleção se dará atendendo famílias residentes do Município, preferencialmente aquelas com cadastro de acompanhamentos familiares, contempladas com benefícios sociais. Os interessados (maiores de 18 anos), devem apresentar (original e cópia), RG e CPF e comprovante de endereço recente (últimos 90 dias)”, explica a chefe de Divisão de Bem-estar Animal, Danielle Soares Girolla.

Para os animais de rua é preciso que um munícipe “apadrinhe” o animal, assinando um termo de responsabilidade, comprometendo-se a cuidar deste pelo período necessário após o processo cirúrgico. Caso existam vagas remanescentes, o serviço será disponibilizado para a população em geral.

“A castração de cães e gatos é a única alternativa para a diminuição do abandono e doenças. Cabe a cada cidadão a responsabilidade de cuidar e zelar pela saúde e bem-estar de seus animais e evitar que eles procriem indiscriminadamente. O abandono é crime”, ressalta a secretária do Meio Ambiente, Catherine D’Andréa.

As empresas interessadas em participar da licitação têm até as 14h do dia 15 de agosto de 2022 para apresentação das propostas. O valor estimado para contratação do serviço é de R$ 249,9 mil. 

Nenhuma postagem para exibir