Queimadas de Batatais provocam a morte de 1,5 tonelada de peixe em cidade mineira

O município de São Sebastião do Paraíso (MG) foi atingido por uma chuva ácida ocasionada pelo incidente do município paulista

Uma chuva ácida devastou pouco mais de 1,5 toneladas de peixe, no município de São Sebastião do Paraíso (MG). Os animais estavam no bairro Lagoinha, considerado um cartão postal da cidade. O fenômeno ocorreu, na última quinta-feira (9), por consequência do incêndio de grandes proporções que atingiu a cidade de Batatais.

O vento carregou a fuligem vinda do território paulista, a uma distância de, aproximadamente, 70 quilômetros. Sendo assim fez com que a cor da água que caía do céu ficasse preta. 

Na sexta-feira, a administração municipal até tentou salvar os animais que estavam na água, colocando uma bomba aeróbica, mas não teve sucesso. Sendo assim, o prefeito, Marcelo Morais, liberou a captura dos peixes, por meio de tarrafas e redes, buscando resgatá-los.

Neste domingo (12) a água do local estava preta e nela vários peixes boiavam, aliado ao mau cheiro. Por lá, havia funcionários públicos recolhendo os bichos mortos que, em seguida, foram encaminhados para um aterro sanitário.

Imagens circulam nas redes sociais e mostram o momento em que os profissionais realizam a captura. Os animais, na sua maioria, estão reunidos na beira das águas.

Os moradores também foram afetados pelo ocorrido. Por consequência da chuva ácida o serviço de abastecimento da cidade foi afetado e grande parte dos moradores estão sem água.