Prefeitura interdita avenida Fábio Barreto no domingo (15)

Trecho entre as avenidas Fábio Barreto e Jerônimo Gonçalves, entre a rotatória Amil Cali e a rua Guatapará será recapeado

Avenida Fábio Barreto, em Ribeirão - Foto: Divulgação

A Prefeitura de Ribeirão Preto e o Departamento de Água e Esgotos da cidade (Daerp) iniciam, domingo (15), o recapeamento de 1,6 quilômetro das avenidas Fábio Barreto e Jerônimo Gonçalves, entre a rotatória Amil Cali e a rua Guatapará. Desta forma, para a realização dos serviços e com o objetivo de garantir maior segurança aos condutores, a Transerp interditará totalmente a avenida Fábio Barreto, entre a rotatória Amin Calil e avenida Jerônimo Gonçalves neste domingo.

Já na segunda-feira, dia 16, com os avanços dos serviços, a previsão é que a interdição seja realizada na avenida Jerônimo Gonçalves, na pista sentido Terminal Rodoviário, no trecho entre a avenida Fábio Barreto e a rua Coronel Luiz da Cunha.

O recapeamento é a parte final da obra de substituição dos interceptores de esgoto feita nas duas avenidas pela Ambient, empresa concessionária do serviço de tratamento de esgoto. A ação integra a obra de substituição dos 97,2 quilômetros de interceptores e redes coletoras de esgoto, orçada em R$ 137,2 milhões.

Os trabalhos terão início às 8h, na avenida Fábio Barreto. No domingo, será realizado o recapeamento das três faixas da pista entre a rotatória Amim Calil e a avenida Jerônimo Gonçalves. A avenida ficará interditada durante todo o dia.

Cronograma

A partir de segunda-feira (16), terá início o recapeamento da pista da avenida Jerônimo Gonçalves, entre a avenida Fábio Barreto e a rua Guatapará. A previsão é que esse trecho seja executado por etapas, com interdição parcial da avenida, e concluído até o dia 26 de setembro.

O recapeamento total contará com a colocação de 15 mil metros quadrados de asfalto. Até sábado, dia 14, estará sendo feito o trabalho de levantamento dos poços de visitas existentes nas duas avenidas para que fiquem em nível após a colocação do asfalto.

Interceptores

No trecho das duas avenidas, foram substituídos interceptores antigos de esgoto de 800 milímetros por interceptores com diâmetro de 1.000 milímetros (1 metro). A obra, que ocorreu entre agosto de 2018 e fevereiro de 2019, beneficiou aproximadamente 95 mil pessoas residentes na Vila Tibério, Vila Virgínia, Jardim Jamaica, D’Elboux e bairros no entorno e recebeu investimento de R$ 4.319.177,00.

Estes interceptores integram a obra de implantação de 97,2 quilômetros de novos interceptores e redes coletoras, com investimentos de R$ 137,2 milhões, que está sendo realizada pela Prefeitura de Ribeirão Preto e o Daerp. A obra permitirá, até o final deste ano, que Ribeirão Preto atinja a universalização do fornecimento de água, coleta e tratamento de esgoto.