Placas irônicas são espalhadas pelos Campos Elíseos em Ribeirão

Transerp informou que sinalização não tem amparo legal e será feita a retirada imediata

Continua depois da publicidade

Placas foram espalhadas por Ribeirão Preto com dizeres como “me perdi” que foi colocada na rua João Ramalho, nos Campos Elíseos, próximo ao hospital Santa Lydia, uma escola e uma faculdade.

A rua José Alves da Silva e a avenida César Vergueiro também receberam placas com “caos”, “zona de conforto” e “desfiladeiro”. As placas estão presas com arames nos postes de energia.

O pai de uma aluna que deixou a filha no Dom Luís Amaral Mousinho disse que “é um absurdo e uma maneira pejorativa de prejudicar o trabalho que o vereador Nelson das Placas tem feito pela cidade”, ele diz ainda que isso pode ser uma maneira de protesto para mostrar como a cidade esta abandonada e por isso essas brincadeiras são feitas.

A assessoria de imprensa do vereador Nelson das Placas informou que esse trabalho não foi feito por ele e sua equipe. E a Transerp, por meio de nota, informou que a sinalização não possui amparo legal, “as sinalizações legalmente instituídas constam do Código de Trânsito Brasileiro, legislações complementares bem como de Resoluções do Conselho Nacional de Trânsito – CONTRAN, sendo vedada a utilização de qualquer outra (art. 80, do CTB)”.

Foi informado também pela entidade executiva de trânsito local que as placas poderão ser retiradas imediatamente para que “qualquer elemento que prejudique a visibilidade ou segurança do trânsito, com ônus para quem tenha colocado”.

Nenhuma postagem para exibir