Mulher é detida por maus-tratos a cachorro em Ibaté

Suspeita disse não ter dinheiro garantir atendimento veterinária ao animal que se encontrava com diversos ferimentos, além de desnutrição e dificuldades para se locomover

Foto: Divulgação

Uma mulher, cujo nome não foi identificado, foi detida pela Polícia Ambiental, nesta sexta-feira (09), acusada de maus-tratos contra animais, em Ibaté. A vítima era um cachorro que estava em sua residência. 

Após  receber denúncias em relação a mulher, a Polícia Ambiental foi averiguar e encontrou um cachorro desnutrido, com dificuldades para se locomover, ferimentos inflamados e cheios de larvas na casa da suspeita. 

Uma médica veterinária da prefeitura do município foi acionada e identificou que o animal estava com várias doenças, sendo retirado do local e encaminhado ao canil municipal, onde ficará sob seus cuidados .

A acusada disse que o cachorro começou a ficar doente há cerca de seis meses, mas que está desempregada e não teve condições de levá-lo ao veterinário para qualquer tipo de tratamento necessário.

A mulher foi encaminhada à Delegacia de Polícia para prestar depoimento, onde uma multa  foi no valor de R$ 3.000,00 foi estipulada. Após contar os fatos, ela saiu em liberdade.

Nenhuma postagem para exibir