Jovem com problemas mentais fica ferido ao pegar carro de vizinha e colidir contra portão na zona Norte de Ribeirão Preto

Caso aconteceu na manhã desta quarta-feira (13), no bairro Ipiranga

Foto: Rede social
Continua depois da publicidade

Um jovem diagnosticado com problemas mentais, que não teve a identidade divulgada, ficou ferido, na manhã de hoje (13), ao pegar o carro de uma vizinha e colidir contra o portão de uma residência na esquina da rua Tajaçu com a rua Avanhandava, no bairro Ipiranga, localizado na zona Norte de Ribeirão Preto.

Segundo a avó do jovem, identificada como Sônia Regina, o mesmo foi diagnosticado com esquizofrenia, hiperatividade e insulto. “Ele tem esquizofrenia, grau hiperativo, insulto. Quando ele se insultou ele arrebentou o portão que estava com um cadeado grandão para poder pegar o carro. Eu não posso nem correr porque estou com o fêmur quebrado, aí cheguei aqui e ele já tinha batido o carro”, afirmou.

Andrea Santos, proprietária do veículo envolvido no acidente, afirmou que o jovem anda com um molho de chave e arromba o portão de diversos moradores da rua. “Todo mundo ficou me chamando, gritando, aí eu saí correndo e aconteceu o acidente. Ele faz isso o tempo todo, ele vivia falando que o carro era dele e que um dia ele ia pegar o carro, ai quando fui ver a situação dele no carro, porque ele bateu a testa no parabrisa, ai ele começou a rir na minha cara todo ensanguentado”, disse.

Sobre a casa atingida no acidente, Kelly Campos afirmou que o portão eletrônico da residência foi prejudicado, pois foi destruída a coluna e o motor do mesmo. Kelly ainda afirma que o prejuízo poderia ser maior, já que sua filha de um ano costuma brincar na garagem. “Eu nem sei como vai dar para fazer, arrebentou a coluna, e é portão eletrônico, arrebentou o motor, então o prejuízo vai ser grande, mas poderia ser um bem maior, não só por ela [filha] como por qualquer pessoa que passa aqui na rua”, concluiu.

A avó do jovem afirmou ainda que já tentou internar o neto, mas nunca conseguiu. “O Juiz fica falando que ele lavrou a folha, que ele já fez a expedição e que já assinou a folha para poder levar o menino para a Santa Tereza, aí eu falei com a advogada e ela disse que hoje essa parte ficaria pronta”, afirmou a senhora.

Não foi divulgada a condição de saúde do jovem envolvido no acidente.

Nenhuma postagem para exibir