Fiscalização eletrônica é instalada em trecho da Anhanguera em Ribeirão, próximo ao anel viário Sul

O dispositivo funcionará como um radar; a aplicação de multas está prevista para dois meses

Foto: Divulgação

Uma lombada eletrônica foi instalada, nesta terça-feira (24), na alça que dá acesso ao anel viário Sul, na SP-330, Km 207, em Ribeirão Preto. O dispositivo funcionará como um radar e busca diminuir a ocorrência de acidentes no local.

A instalação foi feita pela concessionária que administra a rodovia Anhanguera (SP-330) em Ribeirão, Arteris ViaPaulista, e está no sentido interior/capital. Contudo, inicialmente funcionará de maneira educativa.

A previsão é para que comece a operar de forma punitiva em aproximadamente dois meses. Sendo assim, a velocidade máxima permitida naquele trecho será de 60 quilômetros por hora.

A velocidade poderá ser acompanhada por um display. Além disso, de acordo com a concessionária, o início de aplicação de multas em caso de descumprimento de regras será avisada via comunicado prévio emitido pela entidade.

Mas não foi só. A justificativa para a escolha do local foram os dados relativos à acidentes de trânsito. Sendo assim, a medida busca diminuir as ocorrências.

“Após estudos viários, foi identificada a necessidade de implantar o dispositivo na Alça M a fim de garantir a redução de velocidade e a maior segurança dos usuários”, explica o gerente de Operações, Marcos Carneiro.

Nenhuma postagem para exibir