Arrastão da dengue recolhe mais cinco toneladas de lixo e entulho da zona Oeste

Cerca de 3,5 mil imóveis foram nos bairros Jardim Paiva e Paulo Gomes Romeo

Arrastão contra a dengue realizado no fim de semana em Ribeirão - Foto: Divulgação
Continua depois da publicidade

Em mutirão realizado no fim de semana, a Prefeitura de Ribeirão Preto recolheu mais de cinco toneladas de entulho e lixo dos bairros Paulo Gomes Romeo e Jardim Paiva, ambos na zona Oeste da cidade. O objetivo da ação foi diminuir a incidência de focos do mosquito Aedes aegypti, causador da dengue e de outras doenças como zika e chikungunya.

Foram visitados 3.469 imóveis localizados nos bairros Jardim Paiva e Paulo Gomes Romeo. Em 55 deles foram localizadas e eliminadas lavas do mosquito. O arrastão contou com a participação de agentes de combate a endemias, motoristas, supervisores e ajudantes.

Na ação, foram recolhidos materiais inservíveis, como resíduos de construção, galões, garrafas e 233 pneus que podem acumular água parada, potenciais criadouros do mosquito Aedes aegypti.

Análise

A diretora do Departamento de Vigilância em Saúde, Luzia Marcia Romanholi, alerta sobre a temporada de chuvas frequentes e intensas que Ribeirão Preto está atravessando.

“É preciso a conscientização absoluta da população, para que façam vistorias de focos de água parada em suas residências semanalmente e eliminem possíveis criadouros do mosquito. Desta maneira, conseguiremos reduzir a propagação da dengue”, disse, Luzia Marcia Romanholi.

Nenhuma postagem para exibir