Após conseguir alvará de soltura, presidiário é atropelado e morre em rodovia da região

Homem tinha saído da unidade e voltava a pé para sua cidade no momento do acidente

Imagem ilustrativa de uma viatura da Polícia Militar Rodoviária - foto: Beto Ribeiro

Um homem morreu na noite desta terça-feira (4), após ter sido atropelado na rodovia Saverio Fávaro, entre Santa Ernestina e Dobrada. Valmir Viana dos Santos, 25, havia acabado de conseguir um alvará de soltura depois de ter sido preso por tráfico de drogas na última segunda-feira (3). Ele voltava para casa a pé quando o acidente aconteceu.

O motorista de um Honda seguia em direção à Dobrada em um trecho simples e sem acostamento da pista quando, ao cruzar com um veículo que vinha pela mão contrária, percebeu que algo teria saído do lado direito da mata e estava invadindo a pista, porém o homem não conseguiu desviar.

Ao estacionar o veículo, o motorista percebeu que havia atropelado Valmir. O socorro foi acionado e viaturas da Polícia Militar e unidades do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foram ao local – que foi isolado até a chegada da perícia – mas a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu. 

Tráfico de drogas 

Valmir foi preso em flagrante por tráfico de drogas, na tarde de segunda-feira (3), e encaminhado para a cadeia pública de Santa Ernestina, após ter sido encontrado com 23 pedras de crack e dois pés de maconha plantados em uma casa na cidade de Matão.

Por volta das 18h30 desta terça-feira, ele conseguiu um alvará de soltura para responder em liberdade. O homem tinha saído da unidade e voltava a pé para sua cidade no momento do acidente. 

Nenhuma postagem para exibir