Vídeo | Mega assalto em Viracopos deixa três mortos e três baleados no interior de SP

Transportadora Brinks foi alvo dos criminosos; valor da carga roubada não foi divulgado

Um assalto a uma transportadora de valores no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), deixou três criminosos mortos e dois seguranças e um policial militar baleados na manhã desta quinta-feira (17), segundo dados da Polícia Federal. Até o momento, não há informações sobre o estado de saúde dos seguranças baleados, nem para qual hospital eles foram levados. O policial está consciente e orientado e não corre risco de morte. A via ficou interditada por uma hora e meia. Parte da carga roubada foi recuperada pela polícia.

Por conta do assalto, ambos os sentidos da Rodovia Santos Dumont (SP-75), em Campinas, interior de São Paulo, foram fechados. Além dos carros, ao menos dois caminhões foram incendiados para fechar a rodovia. No momento, a estrada no sentido Campinas já foi liberada e no sentido Indaiatuba permanece bloqueada. Em nota, a  transportadora Brinks informou que “está colaborando com as autoridades competentes para apuração do ocorrido”.

Ação

A ação foi iniciada por volta das 9h50. Os criminosos interceptaram um contêiner que carregava uma grande quantidade de dinheiro e iria ser embarcado em um avião da transportadora Brinks. Houve troca de tiros e dois seguranças foram baleados. Eles foram atendidos, mas a reportagem não conseguiu confirmar o estado de saúde deles.

Os criminosos usaram carros clonados e que foram incendiados durante a fuga. Perto do meio dia, dois membros da quadrilha foram encontrados na região do bairro Vida Nova, segundo o comando da PM. Um major foi baleado na perna e socorrido. No confronto com a polícia, dois suspeitos foram mortos. 

Logo depois, um dos criminosos invadiu uma casa e fez uma mulher e uma criança de dez meses refém. O criminoso acabou morto por um atirador de elite. As duas reféns foram liberadas sem ferimentos.