Um dia antes do casamento, médico morre eletrocutado durante sessão de fotos

O fato aconteceu no estado do Tocantins; a vítima trata-se de Dênis Ricardo Faria Gurgel, que estava junto de sua namorada

Médico morre eletrocutado durante sessão de fotos Foto: Rede Social

Um médico de 31 anos morreu, nesta quinta-feira (21), após sofrer uma descarga elétrica, à margem de uma represa, durante uma sessão de fotos para o casamento. A vítima trata-se de Dênis Ricardo Faria Gurgel, que estava junto de sua namorada. O casal se preparava para a cerimônia matrimonial que ocorreria nesta sexta-feira.

O fato ocorreu na zona rural de Cariri do Tocantins, no estado de Tocantins. O médico teria jogado o anzol, que estava preso na vara de pescar a qual segurava, e este enroscou em um fio com falta proteção em alguns locais.

No momento em que o rapaz tentava desembolar os materiais, o acidente aconteceu.

Em razão disso, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e constatou a morte da vítima no local. Além disso, esteve presente o Corpo de Bombeiros.

Homenagens

Pessoas e entidades prestaram homenagens ao rapaz. A Prefeitura de Guarupi, onde o médico atuava, publicou uma mensagem, afirmando ter recebido a notícia com pesar e dizendo que o rapaz era prestativo e educado.

A Prefeitura da cidade de Lagoa da Confusão também se pronunciou. No texto, o órgão público prestou solidariedade ao ciclo de amigos do médico.

Nenhuma postagem para exibir