Idosa mata filha com síndrome de Down a facadas em Campinas

Mulher tentou suicídio após cometer o crime, na madrugada desta terça-feira (5); Polícia investiga

Viatura da Polícia Militar - Foto: Divulgação

Uma idosa matou a facadas a própria filha, que sofria de síndrome de Down. O caso ocorreu na madrugada desta terça-feira (5), no bairro Jardim Londres, em Campinas. Após o crime, mulher tentou suicídio, mas foi socorrida. 

De acordo com a Polícia Militar, o caso ocorreu por volta de 5h30. Segundo a equipe, Maria Aparecida Lopes, 76, esfaqueou a filha Sidneia Aparecida Lopes, 52, na região do pescoço. A mais jovem morreu no local. Logo após, a idosa também se feriu, em tentativa de suicídio. 

A mãe foi socorrida por vizinhos que acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e encaminhada para o Hospital da PUC, onde foi submetida a cirurgia. 

Ainda segundo a Polícia, ainda não se sabe a motivação do crime, mas há informações de que a idosa sofria de depressão. A perícia foi acionada e o caso é investigado pela Polícia Civil da cidade.  

Nenhuma postagem para exibir