Funcionário do Carrefour é localizado preso em elevador após 36 horas

O funcionário era procurado pela família, que divulgou imagens dele em busca de informações

Na manhã desta segunda-feira (27), um funcionário da rede Carrefour foi encontrado preso em um elevador do supermercado durante cerca de 36 horas, sem comida e sem bebida. Ele havia sido considerado desaparecido no último sábado (25).

O caso aconteceu na unidade da Avenida Conselheiro Nébias, na cidade de Santos, em São Paulo. A Tribuna de Santos revelou que o supermercado funcionou normalmente no último domingo (26), mas ninguém notou que o colaborador estava preso.

O funcionário era procurado pela família, que divulgou imagens dele em busca de informações. A mãe, inclusive, informou que ele fazia uso de remédios controlados e ressaltou que ele nunca havia ficado fora de casa sem dar notícias.

O Carrefour, por sua vez, informou que o elevador fica em uma área de acesso restrita a funcionários, além de ter parado de funcionar por motivos desconhecidos. A rede mercadista acionou uma equipe de manutenção para identificar o problema e também abriu uma investigação, a fim de saber porque o colaborador não pediu por ajuda.

Informações: IstoÉ