Reprodução

A identidade de um dos assassinos mais misteriosos dos Estados Unidos foi revelada nessa quarta-feira (6) por investigadores independentes que integram o grupo conhecido como “Case Breakers”. Zodiac, como era conhecido o serial killer acusado de pelo menos cinco mortes no final da década de 60 na Califórnia foi identificado como Gary Francis Poste.

Ele, entretanto, morreu em 2018 sem que a polícia o encontrasse.

O criminoso ganhou notoriedade em terras americanas por enviar diversas “charadas” e códigos misteriosos às autoridades e à imprensa dos Estados Unidos sobre os crimes que ele praticava. Essas cartas foram um dos documentos utilizados pelo grupo para identificar o assassino. Segundo o grupo disse à Fox News, uma das cartas tinha as letras do nome de Poste removidas e foi interpretada como uma mensagem oculta. “Você precisa saber o nome inteiro de Gary para decifrar os anagramas. Eu não acho que teria nenhum outro jeito de alguém descobrir”, disse um ex-militar integrante do Case Breakers.

Outra prova obtida foi uma foto encontrada na câmara escura do assassino. Na imagem, há uma cicatriz na testa do criminoso, mesma marca registrada em um retratado falado feito pela Polícia de São Francisco na década de 60. 

O caso envolvendo Poste gerou diversas produções visuais, a mais conhecida é ‘Zodíaco”, lançado em 2007 e assinado por David Fincher. O filme é estrelado por Jake Gyllenhaal, Robert Downey Jr. e Mark Ruffalo. Assim como na vida real, o longa mostra profissionais tentando decifrar os enigmas que teriam sido enviados pelo assassino, além de uma investigação para tentar encontrar o serial killer.

Informações: OTempo