Conta de luz fica mais cara a partir de hoje (1°)

A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) afirma que a queda no nível de armazenamento nos reservatórios das hidrelétricas e a retomada do consumo de energia levaram à revisão da tarifa

Tarifa de energia elétrica ficou mais cara em todo o país - Foto: Divulgação
Continua depois da publicidade

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou, após reunião extraordinária nesta segunda-feira (30), a cobrança de uma taxa extra na conta de luz a partir desta terça-feira (1°). 

Devido a queda no nível de armazenamento nos reservatórios das hidrelétricas e a retomada do consumo de energia, foi estabelecida a bandeira vermelha patamar 2 para o mês de dezembro de 2020, o que resultou no custo adicional de R$ 6,243 para cada 100 quilowatts/hora consumidos. 

No mês de maio, a bandeira verde, que não possui taxa extra de cobrança, foi anunciada pela agência até o dia 31 de dezembro de 2020, devido a atual pandemia da Covid-19.

Com a nova medida, o diretor-geral da Aneel, André Pepitone, recomendou que a população busque maneiras de evitar o desperdício de água e energia.”Com o anúncio da bandeira vermelha patamar 2 é importante que os consumidores busquem evitar o desperdício de água e energia”, disse.

Nenhuma postagem para exibir