Candidato à presidência da França quer proibir a Nutella no país

Jean-Luc Mélenchon afirmou que a Nutella “não é boa para as crianças, não é boa para a floresta e não é boa para os animais que lá vivem”

Candidato à presidência na França quer proibir Nutella Foto: Pixabay

Jean-Luc Mélenchon, candidato à presidência da França, pretende banir a Nutella do país caso seja eleito. Em entrevista ao jornal Liberation, ele afirmou que o doce “não é bom para as crianças, não é boa para a floresta e não é boa para os animais que lá vivem”.

O político, que é deputado, será candidato às eleições presidenciais na França, que está marcada para abril de 2022. Segundo o jornal Le Depeche, uma das bandeiras que será defendida por Jean-Luc Mélenchon é a insegurança alimentar.

Em 2018, uma promoção de 70% casou tumultos em uma rede de supermercados francesas. Desde então, ele defende restringir propagandas de alimentos infantis e racionar o sal, açúcar e corantes nos alimentos industrializados.

Como proposta, o candidato pretende propor medidas que irão baratear o preço dos produtos saudáveis e não industrializados como forma de incentivo ao consumo de alimentos naturais pela população.

Nenhuma postagem para exibir