Bombeiro que abandonou mulher pela amante horas antes de ser intubado recebe alta

Caso ocorreu em Cuiabá e foi registrado na polícia pela esposa; amante segue acompanhando o marido

Homem está na enfermaria de hospital em Cuiabá - Foto: Divulgação

O bombeiro que abandonou a mulher pela amante antes de ser intubado, afirmando à mulher, no leito, que a “outra” cuidaria dele e das finanças a partir de então, recebeu alta do Unidade de Terapia Intensiva (UTI) hospital onde estava internado. O caso ocorreu em Cuiabá (MS).

O homem foi até um hospital particular de Mato Grosso do Sul no último dia 31 de março. Sabendo que iria ser intubado, ligou para a mulher para avisá-la, mas pediu que ela não fosse até o local dizendo que em breve voltaria.

Casado há 20 anos, os dois têm uma filha juntos. A mulher, de 48 anos, não acreditou e foi ao local e, ao se informar sobre o marido, ficou sabendo que ele estava no quarto, acompanhado da namorada e que tinha deixado ordens para que ninguém mais entrasse no quarto.

A mulher, indignada, pediu que a acompanhante fosse chamada. Nesse momento, descobriu que a “Ricardona” era uma amiga. O marido, então, aceitou receber a mulher, e foi taxativo. Segundo relato a esposa, ele disse que: “A partir de hoje, [a amante] cuida das minhas coisas. Você pode ir embora, cuidar da sua vida”.

Revolta

Revoltada, a mulher saiu do hospital e foi até uma delegacia de polícia, onde registrou um boletim de ocorrência de preservação de direito contando o caso.

O homem, por sinal, foi intubado no mesmo dia e, segundo o hospital, teve bom desenvolvimento da doença, sendo que deixou a UTI na última quarta-feira (6).

Ele foi encaminhado para a enfermaria após todos os exames indicarem plena recuperação, inclusive com o pulmão já sem traços de comprometimento.

A mulher atendeu ao pedido do marido e não foi mais ao local. A amante continua acompanhando a recuperação do paciente.

Nenhuma postagem para exibir