Adolescente de 14 anos mata o pai para defender a mãe dentro de mansão em Valinhos

Empresário conhecido por colecionar carros de luxo foi morto a tiros da própria arma, na tarde desta terça-feira (3), em um condomínio de luxo

Caso foi registrado na Delegacia da cidade

Uma briga entre um casal terminou com um adolescente, 14, atirando contra o próprio pai para defender a mãe, na tarde desta terça-feira (3), em um condomínio de luxo, no bairro Joapiranga, em Valinhos. A vítima, um empresário conhecido por colecionar carros de luxo, morreu após ser alvejado com três disparos da própria pistola. 

A suspeita é de que o garoto atirou contra o pai Fabricio Cesar de Oliveira, para defender a mãe que era vítima de violência doméstica. De acordo com a Polícia Militar, o jovem e a mulher já haviam sofrido agressões por parte do empresário, tanto físicas quanto psicológicas. 

Ainda segundo a polícia Oliveira era colecionador de revólveres e possuía um arsenal com pelo menos oito armas, todas com certificado de registro. Entre os equipamentos, a equipe chegou a encontrar um fuzil e uma metralhadora. 

Os agentes foram acionados por vizinhos que ouviram os disparos, por volta das 14h. O homem chegou a ir até a garagem para tentar pedir socorro, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O corpo foi encontrado pela equipe e retirado por volta das 19h.

O jovem e a mãe foram encaminhados para a delegacia para prestar depoimento sobre o caso, que foi registrado na Delegacia de Valinhos. 

Nenhuma postagem para exibir