Já chegou o Natal?

Continua depois da publicidade

Estou começando a acreditar que já é Natal e as distribuidoras resolveram me dar presentes enviando toda semana diversas estreias para o interior, pois até filmes que julgávamos certos de não aparecer por aqui sem ser em festivais ou exibições mais artísticas estão vindo comercialmente, ou seja, acho que as nossas preces começaram a ser ouvidas!!! Então antes que o sonho vire pesadelo, vamos correr pra falar das estreias dessa semana, e claro, correr para os cinemas para conferir todas elas!

A maior estreia da semana é sem dúvida “Doutor Sono”, afinal muitos esperavam que alguém corajoso desbravasse o livro de Stephen King, e nos contasse nos cinemas o que rolou com o garotinho Danny do filme “O Iluminado” após conseguir sobreviver a uma tentativa de homicídio por parte do pai, um escritor perturbado por espíritos malignos do Hotel Overlook. E a trama do filme nos conta que Danny cresceu e agora é um adulto traumatizado e alcoólatra. Sem residência fixa, ele se estabelece em uma pequena cidade, onde consegue um emprego no hospital local. Mas a paz de Danny está com os dias contados a partir de quando cria um vínculo telepático com Abra, uma menina com poderes tão fortes quanto aqueles que bloqueia dentro de si. Ou seja, tem tudo para ser um filme intrigante, que pode até não virar um clássico como o longa de 1980, mas que será um filmão, isso será, afinal com 152 minutos teremos de ir bem preparados para ficar um bom tempo na sala.

Doutor Sono

Uma das maiores surpresas da semana foi aparecer na programação o longa sul coreano “Parasita”, que tem arrebatado diversas premiações internacionais, e é um dos mais cotados a levar o prêmio de Melhor Filme Internacional no Oscar do ano que vem, ou seja, além de excelentes críticas vindo de todos os cantos do mundo, certamente a curiosidade de ver um filme interessante vai ser bem aguçada. E o filme nos conta que toda a família de Ki-taek está desempregada, vivendo num porão sujo e apertado, quando uma obra do acaso faz com que o filho adolescente da família comece a dar aulas de inglês à garota de uma família rica. Fascinados com a vida luxuosa destas pessoas, pai, mãe, filho e filha bolam um plano para se infiltrarem também na família burguesa, um a um. No entanto, os segredos e mentiras necessários à ascensão social custarão caro a todos.

Parasita

Depois que os estúdios Laika passaram a ser controlados pelo grupo Disney, muitos achavam que eles perderiam a essência dos deliciosos filmes de massinha, mas felizmente não, apenas estão indo um pouco mais devagar nas produções para continuarem nos agradando de uma maneira linda e gostosa de ver, de forma que agora com a estreia de “Link Perdido” certamente iremos nos emocionar na sala, enquanto as crianças apenas se divertem com os bonequinhos estranhos. A história em si é bem estranha e nos conta que Sir Lionel Frost se considera o melhor investigador de mitos e monstros do mundo. O problema é que nenhum dos seus colegas o leva a sério. Sua última chance para ganhar seu respeito é provar a existência de um ancestral primitivo do homem, conhecido como o link perdido.

Link Perdido

Um diretor que costuma fazer filmes bem diferentes, que geralmente nos faz pensar muito na história e onde ele deseja chegar com o que se propõe em cada longa é Richard Linklater, que muitas vezes conseguiu surpreender, e em poucos casos entregou filmes não tão envolventes. E aqui com “Cadê Você, Bernadette?” que para variar não passou o trailer em nenhuma sessão dos filmes que vimos nos últimos meses, e iremos ver meio que no escuro, apenas sabendo da sinopse que nos conta que antes de viajar com sua família para a Antártica, uma arquiteta que sofre de agorafobia – o medo de estar em lugares abertos ou em meio à multidões – some sem deixar pistas para trás. Sua filha, então, através de emails, sessões com sua psicóloga, cartas e outros documentos, tenta descobrir para onde sua mãe foi e quais foram as razões de seu desaparecimento.

Cadê Você, Bernadette?

Um filme que pareceu bem estranho pelo trailer, e que vem agora para os cinemas é o nacional “Bate Coração”, que lendo a sinopse então ficamos mais confusos ainda de qual estilo de comédia irão nos tentar entregar ao contar a história de Sandro, um homem conquistador e preconceituoso, acostumado a uma vida de luxo, que quando sofre um ataque cardíaco, e precisa urgentemente de um coração novo, acaba recebendo o transplante da travesti Isadora, recém-falecida devido a um acidente, e enquanto se recupera e tenta conquistar a médica que realizou a cirurgia, Sandro precisará repensar o seu preconceito.

Bate Coração

Além dos longas, assim como vem ocorrendo nas últimas semanas os cinemas também nos entregarão shows e outros eventos para tentar chamar um público diferente para as salas escuras, e nessa semana teremos o novo show de André Rieu, “Maastricht Concert 2019”, o show da Shakira, “El Dorado World Tour”, e para os amantes de jogos online será exibido a final do Campeonato Mundial de CBLOL, ou seja, tem atrações para todos os gostos.

E para quem ainda acha pouco todas essas estreias e eventos nos cinemas, o grupo UCI Cinemas traz na segunda-feira 11/11 o UCI Day, aonde todos os filmes estarão com preços promocionais além de ter a exibição de alguns filmes que marcaram os cinemas em alguns horários:

Além disso, o Cinemark que todo ano entrega o dia do cinema nacional, aonde a renda vai toda para a distribuição de filmes brasileiros, nesse ano entregará o evento na terça-feira 12/11, então para aqueles que não viram algum desses, ou deseja rever, também é uma dica, afinal os ingressos estarão com preços populares:

Ou seja meus amigos, quem falar que não foi nessa semana no cinema, será somente por não querer ir mesmo, pois opções não faltam de todos os estilos possíveis, então é checar o horário e/ou a crítica do Coelho no www.coelhonocinema.com.br, pegar a pipoca e correr para o melhor lugar da sala. Eu fico por aqui agora, mas semana que vem estou na área novamente, então abraços e até breve.