Mulher liga para a Polícia e finge falar em um salão de beleza para denunciar violência doméstica

De acordo com a polícia, a vítima apresentava hematomas no rosto, foi socorrida e encaminhada ao Pronto-Socorro Municipal

Uma mulher ameaçada e agredida pelo companheiro pediu socorro à Polícia Militar, em Araçatuba (SP), de um modo inusitado. Ela ligou para o número de emergência 190 para “fazer o cabelo”.

O policial que a atendeu percebeu que se tratava de uma vítima de violência doméstica e enviou uma equipe à casa, que fica no bairro São João.

Quando os policiais chegaram ao local, a mulher saiu correndo do imóvel afirmando que foi agredida e ameaçada de morte pelo companheiro. O homem foi abordado e confessou a agressão.

De acordo com a polícia, a vítima apresentava hematomas no rosto, foi socorrida e encaminhada ao Pronto-Socorro Municipal. Ela recebeu atendimento médico e foi liberada. O casal foi levado à delegacia e o homem foi preso, permanecendo à disposição da Justiça.

Vale lembrar que, em maio, o Centro de Operações da Polícia Militar (Copom) recebeu uma solicitação de ajuda de uma mulher que fingiu pedir uma pizza para denunciar o companheiro por violência doméstica. Isso ocorreu em Andradina (SP).

Nenhuma postagem para exibir