Mesa diretora da Câmara de Araçatuba quer dobrar o salário dos vereadores

Atualmente os vereadores recebem cerca de R$ 6 mil

Projeto de resolução apresentado pela Mesa Diretora da Câmara de Araçatuba (SP) quer dobrar o subsídio mensal recebido pelos vereadores na próxima legislatura. A intenção é que os atuais R$ 6.502,25 passem para R$ 12 mil, a partir de janeiro de 2025. Fazem parte da Mesa Diretora, que apresentou o projeto, os vereadores Alceu Batista (PSDB), presidente; Maurício Rufino Barbosa, o Maurício Bem Estar (PP), vice; Coronel Guimarães (PSL) e Nelsinho Bombeiro (PV), secretários.

Na sessão de ontem (22), a 39ª Sessão Ordinária do ano, também foram apresentados outros projetos de reajuste de vencimentos, tanto do Executivo quanto do Legislativo, como o dos servidores municipais, que prevê aumento de 9% (com um detalhe), escalonado em 3 anos. Mas o projeto com maior discussão mesmo foi o subsídio dos vereadores, que, se aprovado, terá aumento de 84%.

A proposta foi lida na sessão realizada de forma virtual, e recebeu aval da maioria dos parlamentares para tramitar na Casa. Foram contrários à tramitação do projeto na Casa os vereadores Arlindo Araújo (MDB), Luís Henrique Boatto (MDB), Evandro Molina (PP) e Lucas Zanatta (PV).