Calopsita tem pata arrancada por mordida do dono e vai passar por cirurgia em RP

Caso ocorreu em bar do Centro; dono deve responder por maus tratos contra a ave

Calopsita deve ter parte que sobrou do osso retirada em cirurgia - Foto: Reprodução

A calopsita de três meses que teve a pata arrancada depois de uma mordida, aplicada pelo próprio dono dentro de um bar, em Ribeirão Preto, nesta terça-feira (19), deve passar por cirurgia em uma clínica veterinária da cidade.

Na noite de terça, o homem levou o animal até um bar, no Centro da cidade. No local, o homem, aparentemente alterado, começou a dançar com o animal nos ombros. Com os movimentos bruscos, a ave tentou voar, mas foi capturada pelo dono que, na sequência, acabou mordendo e arrancando a pata dela.

Uma testemunha que é funcionária do bar acionou a Polícia Militar depois de ver a ave sofrendo a agressão. “Ele mordeu e arrancou a perna dela. Aí nós chamamos a polícia” disse a denunciante, em entrevista à Record TV Ribeirão.

Os PMs levaram a calopsita até uma clínica, na zona Sul de Ribeirão Preto, onde o animal passou pela cirurgia. Ela está fora de risco, segue em uma incubadora e está sendo medicada pelos profissionais.

Confira conteúdo sobre o caso feito pelo QRU News:

Cirurgia

A veterinária Carolina Garcia, que atendeu o animal, afirmou estar chocada com a crueldade. “É muito diferente de tudo, deu muita dó. Cheguei a falar meu Deus, para não chorar”, disse.

Ela esclareceu que uma tala foi colocada na pata da ave, mas que uma cirurgia deve ser realizada nos próximos dias. A tendência é que a parte que sobrou do osso seja retirada. “Ela ficará com uma patinha só, mas estudamos a colocação de uma prótese”, contou.

O caso

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que os policiais chegam na clínica com a calopsita ferida.

O caso foi registrado na Polícia Civil e o dono da ave chegou a ser detido, mas prestou depoimento e acabou liberado. Ele responderá por maus tratos contra animais.

.

Nenhuma postagem para exibir