Prefeitura libera e camelôs ocupam o Centro até 16 de dezembro sem medo do “rapa”

Entidades ligadas ao setor comercial contestam medida, que passa a valer a partir desta quarta-feira (18)

Ambulante em atuação: prefeitura autoriza trabalho no quadrilátero central de Ribeirão

A partir de amanha, 50 camelôs escolhidos pela Prefeitura de Ribeirão Preto poderão ocupar, sem ter medo do chamado “rapa”, as ruas do quadrilátero central da cidade. Uma determinação, publicada nesta terça-feira (17) pela administração municipal, determina que a ocupação deve acontecer de 16 de setembro a 16 de dezembro. 

No total, 91 comerciantes se inscreveram para a disputa das vagas, sendo 50 deles efetivamente escolhidos. Os demais ficaram em uma lista de espera e assumem os postos se houver irregularidade ou desistência. 

A medida não caiu bem entre as entidades que representam o setor comercial da cidade. Tanto a Associação Comercial e Industrial quando o Sindicato do Comércio Varejista se manifestaram contra a medida.

“Esta flexibilização continuará a promover uma concorrência desleal e predatória aos lojistas legalmente estabelecidos que pagam aluguel, arcam com diversos custos de operação e altos tributos para manter seus negócios ativos, obtendo pouco retorno do poder público”, informou a nota conjunta da Acirp e Sincovarp.