Prefeitura aumenta IPTU em 4,77% para 2021

Reajuste vale também para ISS, ITBI e outras taxas da administração; índice repõe inflação do INPC

Palácio Rio Branco - Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto - Foto: João Prudente/Agência USP
Continua depois da publicidade

A Prefeitura de Ribeirão Preto determinou, através de decreto publicado no Diário Oficial desta sexta-feira (4), que os tributos municipais serão aumentados em 4,77%.

A medida vale, entre outros, para o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), além de Imposto Sobre Transmissão de Bens Inter Vivos (ITBI) e Imposto Sobre Serviços (ISS), além de contribuições de melhoria, como taxas de alvará, e cobrança de infrações e multas.

O reajuste tem como base o índice de inflação acumulado pelo INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) no período entre novembro de 2019 e outubro de 2020.

Dados

Segundo apurado pela reportagem do Grupo Thathi, a Companhia de Desenvolvimento Econômico de Ribeirão Preto (Coderp) deve começar a rodar os carnês de IPTU nas próximas semanas. A entrega deve ocorrer no fim do mês.

A expectativa, segundo o Orçamento de 2021 planejado pela administração, espera aumentar em 10,5% a arrecadação do IPTU em relação ao programado para este ano, atingindo R$ 431,7 milhões. Um aumento de R$ 41 milhões.

Nenhuma postagem para exibir