Após ataque hacker, Prefeitura de Barrinha paga salário dos servidores

Sistema foi invadido em 28 de outubro e pagamento está atrasado desde 31 do mês passado; autores ainda não foram encontrados

Prefeitura de Barrinha, que irá atrasar salários - Foto: Google Maps

A Prefeitura Barrinha informou neste sábado (9) que já encaminhou ao banco o pagamento dos cerca de mil servidores públicos municipais. O pagamento estava atrasado desde o dia 31 de outubro, quando a administração revelou ter sofrido um ataque hacker. A expectativa é que o saque possa ser realizado já na segunda-feira (11).

Continua depois da publicidade

O sistema operacional da prefeitura da cidade foi invadido na tarde de segunda-feira (28) e impediu, entre outras coisas, a liberação dos recursos e envio para o banco. “Foram realizados todos os esforços possíveis pela Secretaria de Recursos Humanos para que fosse realizado os pagamentos referente a mês de outubro/2019 de forma manual”, disse a administração, em nota enviada ao Grupo Thathi.

Ainda segundo a administração, o pagamento só foi possível “com a colaboração de todos os envolvidos”. “Tivemos sucesso em encaminhar para o Banco Santander os pagamentos de todos os servidores públicos. Logo mais, estarão na conta vinculada ao recebimento”, disse a prefeitura.

Serviços

A prefeitura informou, ainda, que os demais serviços municipais disponibilizados pela internet também devem ser restabelecidos. “Os serviços, como por exemplo a emissão de nota fiscal eletrônica, poderão ser restabelecidos esta semana”, informou.

O ataque hackers é investigado pela Polícia Civil da cidade, que ainda não identificou os autores. Uma empresa de São Paulo foi contratada para restabelecer os sistemas da prefeitura, o que ainda não ocorreu.